Estudo mostra que os mórmons são mais fiéis nos dízimos do que católicos e evangélicos

07-02-2012 00:48

Estudo mostra que os mórmons são mais fiéis nos dízimos do que católicos e evangélicos

Por causa da campanha a presidência do republicano Mitt Romney, que é mórmon, assuntos relacionados à Igreja de Jesus Cristo dos Santos têm tido um grande destaque nos meios de comunicação em todo o mundo.

Um dos últimos assuntos sobre a igreja, que tomou a mídia, foi o dízimo. Pressionado por seus concorrentes Romney divulgou, na semana passada, suas declarações de imposto de renda dos últimos dois anos, o que revelou que o republicano doa um pouco mais de 10% da sua renda para sua igreja.

A questão do dízimo é frequentemente pregada nas igrejas protestantes, mas o relatório anual “A Situação da Oferta dos Cristãos”, elaborado pelos pesquisadores John e Sylvia Ronsvall, mostra que a “generosidade de todas as igrejas tem vivido um declínio constante, especialmente nas protestantes”.

Porém entre os mórmons, “o dízimo é um princípio muito forte”, de acordo com Gregory Stock, líder Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias na Louisiana. E uma pesquisa recente do “Fórum Pew sobre Religião e Vida Pública” revelou que 79% dos mórmons são dizimistas, número muito acima do que é contabilizado entre os católicos e evangélicos.

Um estudo chamado de “Pesquisa da Vida Congregacional dos EUA” revelou que apenas um terço dos católicos e dois terços de evangélicos tradicionais doam mais de 5% de sua renda à suas igrejas e obras por elas mantidas.

De acordo com um site de notícias de Los Angeles, o nola.com, o candidato à presidência Mitt Romney, que foi missionário e líder da igreja mórmon na França na juventude, e sua esposa doaram US$ 2,6 milhões para sua igreja em 2011. Já o presidente Barack Obama, que se apresenta como cristão evangélico, doou cerca de 14% de sua renda de US $ 1,8 milhões para uma igreja, além de ter feito 36 contribuições para ONGS e fundações educacionais.

Fonte: Gospel+

Voltar

Procurar no site

Foto utilizada com a permissão da Creative Commons enki22, broo_am, broo_am  © 2009 Amauri Galvão - Todos os direitos reservados.